Leo Ar
Ser Universitario
 

Engenharia mecatrônica

Resumo do Curso

A engenharia mecânica é a aplicação de matemática e ciências básicas, principalmente física, no projeto, construção, análise, manutenção e operação de sistemas mecânicos. Sistemas mecânicos são constituidos por elementos físicos, construídos pelo homem ou presentes na natureza.

O engenheiro mecatrônico desenha, opera e faz manutenção em equipamentos utilizados em indústrias. É ele quem programa máquinas e softwares capazes de atender às necessidades de cada área de produção. Ele pode fazer controle de processos, automação de manufatura e informática industrial e, se a empresa já é automatizada, ele pode redimensionar e readaptar os sistemas e equipamentos.

Este curso de graduação pode ser conhecido com outros nomes como Engenharia de Automação e Controle, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia em Automação, Engenharia Mecânica com ênfase em controle e automação. Como curso tecnológico ele pode ser conhecido como Automação e Controle, Eletrônica e Mecânica. As principais disciplinas cursadas são desenho técnico, física, automação, cálculo, geometria analítica, álgebra linear, química tecnológica, mecânica, informática industrial, eletrônica, eletricidade, estatística, robótica e inteligência artificial.

Profissional / Mercado de Trabalho

O engenheiro mecatrônico encontra um bom campo de trabalho, principalmente no setor industrial, mas o mercado é concorrido. Existe boa procura pelo setor automotivo, em companhias como Volkswagen e Ford, e também por empresas metalúrgicas, como a Bardella, nas fábricas de eletroeletrônicos, como a Philips, e nas de autopeças, como a Cofap e a Magneti Marelli. A maior demanda é pelo profissional que trabalhe com planejamento e gestão de projetos, mas também há oportunidades nos setores de instalação, manutenção, operação e supervisão de equipamentos de mecatrônica, como máquinasferramentas e robôs industriais. "Historicamente, as regiões Sul e Sudeste, principalmente o interior de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, são os mercados mais aquecidos para esse tecnólogo. Mas, recentemente, tem aumentado a procura em Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, na Bahia e no Ceará, estados que estão passando por um processo de industrialização", afirma o professor Irapuan Santos, coordenador do curso de Tecnologia em Fabricação Mecânica da UTFPR. Manaus, por causa do expressivo parque industrial da Zona Franca, também oferece oportunidades. Segundo o professor, as empresas dão preferência a tecnólogos que tenham no currículo cursos que comprovem o domínio de ferramentas de desenho em computador, como o CAD, e que saibam falar inglês. O domínio do alemão e do espanhol também é um diferencial importante.


Universidades / Faculdades que oferecem este curso de graduação

Não foram encontradas faculdades para este curso