Leo Ar
Ser Universitario
 

Fisioterapia

Resumo do Curso

O curso de graduação em Fisioterapia tem como perfil do formando egresso/profissional o Fisioterapeuta com formação generalista, humanista, crítica e reflexiva, capacitado a atuar em todos os níveis de atenção à saúde, com base no rigor científico e intelectual. Detém visão ampla e global, respeitando os princípios éticos/bioéticos e culturais do indivíduo e da coletividade. Capaz de ter como objeto de estudo o movimento humano em todas as suas formas de expressão e potencialidades, quer nas alterações patológicas, cinético-funcionais, quer nas suas repercussões psíquicas e orgânicas, objetivando a preservar, desenvolver, restaurar a integridade de órgãos, sistemas e funções, desde a elaboração do diagnóstico físico e funcional, eleição e execução dos procedimentos fisioterapêuticos pertinentes a cada situação.

Mercado de Trabalho

A expansão dos campos de atuação profissionais da fisioterapia tem aberto novas oportunidades de trabalho, negócios e empregos. O fisioterapeuta moderno ocupa vagas em diversos setores da saúde e da educação e tem uma atuação clínica amplamente respaldada pela legislação vigente. Atua em hospitais, ambulatórios, clínicas, consultórios, asilos, maternidades, unidades de atendimento a pacientes críticos, centros de reabilitação, agremiações esportivas, spas, empresas, indústrias, escolas, creches e no segmento da educação básica e superior, entre outras áreas. O fisioterapeuta também poderá dirigir serviços públicos e privados de prestação de serviços de saúde e educacionais, além de empreender negócios em saúde e educação.

  • Consultórios e clínicas particulares;
  • Serviço de saúde pública;
  • Hospitais da rede pública e privada;
  • Empresas públicas e privadas;
  • Fisioterapia em ginecologia e obstetrícia;
  • Fisioterapia respiratória;
  • Fisioterapia desportiva;
  • Fisioterapia em estética;
  • Academias;
  • Docência.

Trajetória do Curso

O Curso de Fisioterapia teve a sua criação em 1989 e foi autorizado a funcionar através da Resolução 11/89 e foi autorizado a funcionar através da resolução 11/89 de 27.11.89 do Conselho Universitário. Inicialmente denominado por Faculdade de Fisioterapia.

O Currículo Mínimo do Curso de Fisioterapia foi (elaborado) através do Parecer n. 622/82 do CFE onde este fica dividido da seguinte forma: ciclo de matérias biológicas, ciclo de matérias de formação geral, ciclo de matérias pré-profissionalizantes e ciclo de matérias profissionalizantes e estágio complementar. A estrutura curricular sofreu alterações através dos seguintes atos: - Resolução CONSEPE n. 08./93,de 30.06.93, que exclui do currículo a disciplina de Estudos de Problemas Brasileiros
- Através da Resolução 16/94 altera-se parcialmente o currículo de Fisioterapia ficando o 1º ciclo com as seguintes disciplinas e carga horária: Língua Portuguesa , Anatomia I , Física , Introdução a Fisioterapia , MTP, Antropologia Filosófica, Histologia I, Biofísica e Patologia Geral.
- Em 1996, através da Resolução 31/96 do Egrégio Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão altera-se o currículo ficando a disciplina de Anatomia I (4 créditos), a disciplina de Bioquimica I e II passa a denominar-se Bioquímica em Saúde com 5 créditos e Genética com 3 créditos.
- No ano de 1998, através da Resolução 12/98,altera-se a grade curricular do Curso de Fisioterapia, com a extinção da Língua Portuguesa (optativa), física, e constando no atual currículo como disciplinas optativas, Fisioterapia em Estética, Elementos de Enfermagem, Farmacologia, Informática em Saúde.

Necessidade social do curso de Fisioterapia

O papel dos profissionais da área da saúde, em especial do Fisioterapeuta, torna-se cada vez mais complexo face à constante qualificação dos serviços de assistência à saúde, que não se limitam mais a garantir sobrevida, mas a oferecer qualidade de vida às pessoas. Em decorrência disso temos a ampliação da área de atuação profissional do Fisioterapeuta, que cresce a cada dia, descobrindo novas possibilidades de intervenção.

Assim, no processo pelo qual evolui a humanidade, a atuação do Fisioterapeuta no processo saúde-doença assume papel decisivo para garantir, principalmente qualidade de vida à população.

A origem da profissão enfatizou e direcionou atividades para a recuperação de pessoas fisicamente lesadas como decorrência das grandes guerras. No Brasil, a Fisioterapia surge como possibilidade de solução para os altos índices de acidentes de trabalho.

Entretanto,com a evolução dos tempos Fisioterapia cresceu como área de conhecimento, ampliando sua área de atuação profissional e consequentemente o mercado de trabalho.

O Fisioterapeuta, atualmente, além de atuar nas área de terapêutica e reabilitação desenvolve programas de prevenção, proteção e promoção da saúde. Ao se firmar como área específica do conhecimento atua no tratamento e prevenção de alterações cinético- funcionais como distúrbios neuro-musculares, músculo-esqueléticos, neuro-psiquiátricos, respiratórios, ginéco-obstétricos, pediátricos e nas áreas de geriatria e oncologia.

Na rede hospitalar torna-se essencial a presença do Fisioterapeuta que comprovadamente reduz o período de internação hospitalar

 


Universidades / Faculdades que oferecem este curso de graduação

Solicitar InformaçõesSolicitar informações
+ Cursos superiores
Anhanguera
InstituiçãoFaculdade Anhanguera de Jundiaí
Websitehttp://www.unianhanguera.edu.br
E-mail
Cidade / UFJundiaí / SP
ClassificaçãoParticular
Solicitar InformaçõesSolicitar informações
+ Cursos superiores
Faculdade de Jaguariúna
InstituiçãoFAJ - Faculdade de Jaguariúna
Websitehttp://www.faj.br
E-mail
Cidade / UFJaguariúna / SP
ClassificaçãoParticular
0800 775 55 55
Solicitar InformaçõesSolicitar informações
+ Cursos superiores
InstituiçãoCentro Universitário Serra dos Órgãos - UNIFESO
Websitehttp://www.unifeso.edu.br
E-mail
Cidade / UFTERESOPOLIS / RJ
ClassificaçãoParticular
21 2641-7000
Solicitar InformaçõesSolicitar informações
+ Cursos superiores
InstituiçãoUniversidade São Judas Tadeu - USJT
Websitehttp://www.usjt.br
E-mail
Cidade / UFSão Paulo / SP
ClassificaçãoParticular
11 2799-1677