Leo Ar
Ser Universitario
 

Lazer

Untitled Document

Resumo do Curso

Esse tecnólogo trabalha, sobretudo, com a administração de instituições que promovem a atividade física e o esporte, como academias, clubes e escolas. Desenvolvimento social, lazer, esporte e turismo são áreas de atuação do profissional de gestão desportiva e de lazer. Ele possui habilidades e competências para criar planos estratégicos, prestar consultoria, assessorar eventos e prestar serviços ligados a lazer, esporte, folclore, arte e cultura. Implementa políticas de integração social por meio de atividades sociais, lúdicas e desportivas e identifica oportunidades em que essas atividades podem ser um meio de comunicação entre as organizações e seus respectivos públicos.

O mercado de trabalho

Esse profissional ocupa hoje um nicho de mercado mais voltado às áreas administrativas do setor de esporte e lazer. O mercado está estável, mas com perspectivas de aquecimento nos próximos anos. "Essa expectativa está atrelada à realização dos dois grandes eventos esportivos que o país vai sediar, a Copa do Mundo de Futebol, em 2014, e os Jogos Olímpicos, no Rio de Janeiro, em 2016", explica o professor Renan Amaral Leite, coordenador do curso de Esportes da Faculdade Drummond, em São Paulo. A lei de incentivo ao esporte do governo federal é outro fator que contribui para aumentar a procura pelo especialista. Parte dos profissionais opta por abrir um negócio próprio. Com isso, diminuiu muito a concorrência do tecnólogo em Gestão Desportiva e de Lazer com o bacharel em Educação Física e Esporte, sobretudo na Região Sudeste. As academias de ginástica, federações esportivas e clubes são mercados para esse profissional explorar. Nas regiões Sul e Nordeste, onde a indústria turística é forte, há um campo aberto no setor de entretenimento em resorts e hotéis de médio e grande portes. Outra possibilidade de atuação está em centros de Educação Infantil, em parceria com professores de Educação Física, desenvolvendo atividades lúdicas.

Salário inicial: R$ 1.600,00 (fonte: prof. Georgios Hatzidakis, da Uniban).

O curso

Disciplinas como comunicação, sociologia e organização de eventos esportivos compõem a grade curricular nos dois primeiros semestres. Depois, o aluno passa a ter contato com temas como direito esportivo, consultoria empresarial e gestão mercadológica, ao mesmo tempo em que tem aulas de ética e sociologia do esporte. Realiza também atividades práticas em ginásios de esporte. No último semestre, ele deve apresentar o trabalho de conclusão de curso.

Duração média: três anos.

Outros nomes: Futebol; Gestão de Empreend. Esportivos; Gestão Desp.; Gestão Desp. e do Lazer.

Universidades / Faculdades que oferecem este curso de graduação

Não foram encontradas faculdades para este curso