IFOOD DELIVERY
Ser Universitario
 
STONE
 

Farmacêuticos recém-formados no UNIFESO

Ingressam em mestrado na FIOCRUZ

12/03/2013 - 09:53h

 Rafael Ferreira Soares e Simone Carvalho Lima, egressos de Farmácia do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO) são motivo de orgulho para os professores do curso. Eles se formaram no fim de 2012 e hoje trabalham juntos no Laboratório de Comunicação Celular (LCC) do Instituto Oswaldo Cruz (IOC), onde se preparam para iniciar seus respectivos programas de mestrado na Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), ainda neste primeiro semestre de 2013.

Simone Lima vai cursar Mestrado em Biologia Celular e Molecular na área de Farmacologia e Imunologia e, para isso, já realiza experimentos em bancada visando adiantar seu projeto com os resultados obtidos. Ela conta que o interesse para o curso surgiu a partir do desejo de dar aulas e também pelo prazer de aprender em laboratório, além de ser um sonho de contribuir para a sociedade, “já que estou inserida em uma pesquisa que busca o conhecimento do mecanismo de abertura e de fechamento de um receptor purinérgico denominado P2X7, que está envolvido em diversas doenças devido a sua ampla expressão no sistema imune”. O sonho da jovem de ir para a Fiocruz ganhou um empurrão do professor Rodrigo Bitzer, docente em cursos de saúde do UNIFESO, que a orientou para concretizá-lo. “Não poderia deixar de agradecer aos bons professores que tive no UNIFESO. Hoje vivo a realidade, e sei que com muito esforço e trabalho é possível chegar nela”, declarou Simone, lembrando que o processo seletivo não é fácil, pois trata-se de um curso bastante concorrido e possui nível 6 pela CAPES.

O curso de Mestrado em Biologia Computacional e Sistemas foi o escolhido por Rafael Ferreira Soares, que trabalha no laboratório em parceria com o Grupo de Biofísica Computacional e Molecular do Programa de Computação Científica (PROCC). De acordo com ele, atualmente os sistemas computacionais estão cada vez mais presentes em diversos campos de atuação e não poderia ser diferente no campo do Farmacêutico, pois o profissional é extremamente e concomitantemente ligado ao laboratório e ao paciente. Rafael visa o crescimento profissional e a aquisição do conhecimento necessário para transformar os resultados dos trabalhos dele em âmbito nacional. “Optei por este curso devido à união entre duas áreas que sempre tive muito apresso: a área de saúde e a ciência computacional, ambas unidas para estudos de estruturas tridimensionais de proteínas transmembranares, estruturas estas pouco estudadas em todo o mundo”, contou Rafael, que está envolvido com o projeto “Estudos sobre a estrutura molecular do domínio transmembrana do receptor hP2X7”.

Rafael obteve sua aprovação com a nota máxima, conseguindo ainda o primeiro lugar no exame. “A tendência do mercado de trabalho é admitir cada vez mais os profissionais de maior titulo e prestígio educacional. Outro ponto importante é sempre utilizar todo conhecimento adquirido para ajudar a sociedade da melhor maneira possível”, salientou.


Fonte: Unifeso
Tags:
STONE EMPREENDEDOR