IFOOD DELIVERY
Ser Universitario
 
STONE
 

Projeto Institucional do UNIFESO é aprovado

em edital do Programa de Bolsa de Iniciação à Docência

25/06/2012 - 14:56h

O Projeto Institucional e os Subprojetos dos cursos de licenciatura em Ciências Biológicas e Pedagogia do Centro Universitário Serra dos órgãos (UNIFESO) foram aprovados no edital 011/2012, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), que prevê a concessão de bolsas de iniciação à docência para alunos de cursos de licenciatura e para coordenadores e supervisores responsáveis institucionalmente pelo Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID) e demais despesas a ele vinculadas. O objetivo da seleção é fomentar a formação inicial de profissionais do magistério, seguindo as diretrizes do Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação.

 Para a diretora de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão do UNIFESO, professora Katiuscia Antunes, a inserção dos cursos de licenciatura em Pedagogia e Ciências Biológicas do UNIFESO nesse programa de bolsas significa o reconhecimento do trabalho que vem sendo realizado nesses cursos no que se refere à formação de professores. “Participar do PIBID nos dá a oportunidade de estreitar a relação entre a universidade e as escolas públicas, contribuindo para a construção de práticas pedagógicas inovadoras. É importante ressaltar a contribuição dos coordenadores dos cursos de Pedagogia e Ciências Biológicas, professores Maria Terezinha Espinosa de Oliveira e Carlos Alfredo Franco Cardoso, e da assessora de Desenvolvimento de Projetos Institucionais, professora Edneia Tayt-Sohn Martuchelli Moço, na elaboração deste projeto”, afirma Katiuscia.

 A professora Edneia Tayt-Sohn ressalta que esta é a primeira vez que o Projeto Institucional do UNIFESO foi inscrito para participar do edital 011/2012 da CAPES/PIBID. “O nosso projeto institucional atende e aponta para os objetivos do PIBID, quais sejam os de promover o incentivo a iniciação à docência, durante o curso de graduação – licenciaturas – voltado aos estudantes de nossos dois cursos. Além disto, ele busca a parceria de escolas da rede pública de ensino médio e fundamental, a partir da interação ensino e trabalho”, explicou a professora. No projeto a professora Edneia ficará responsável pela Coordenação da Gestão de Processos Educacionais, enquanto a professora Katiuscia Antunes atenderá pela Coordenação Institucional.

Os Subprojetos

O Subprojeto 1, do curso de licenciatura em Ciências Biológicas, tem como título “Projeto Transversal de Prática de Ciências e Educação Ambiental na Escola Municipal Beatriz Silva, Teresópolis, Região Serrana, Rio de Janeiro”. “Além de tratar de um tema relevante no atual momento, o projeto integra o Projeto Político Pedagógico do curso”, destacou a professora Edneia. O Subprojeto 2, da Pedagogia, intitulado “Formação docente: Um Olhar para o Cotidiano da Escola”, invoca a questão da formação docente voltada ao cotidiano da atuação nas escolas públicas. “A concepção que delineia as ações desse projeto evidencia a relação prática-teoria-prática, como eixo articulador na formação do pedagogo, sempre considerando as necessidades das escolas”, ressaltou a professora, informando que este será desenvolvido no Centro Interescolar de Agropecuária José Francisco Lippi, no Colégio Estadual Edmundo Bittencourt, na Escola Municipal Beatriz Silva e no Colégio Estadual Higino da Silveira.

As bolsas

São cinco modalidades de bolsas de estudo e pesquisa nas seguintes condições: iniciação à docência, para estudantes de licenciatura; supervisão, para professores de escola pública que orientem no mínimo cinco e no máximo dez alunos; coordenação de área, coordenação de área de gestão de processos educacionais e coordenação institucional, estes três últimos para professores da Instituição proponente.

Para os Subprojetos “PIBID 2012 - UNIFESO / Biologia / Quinta do Paraíso / 2012” e “PIBID 2012 - UNIFESO / Pedagogia / Quinta do Paraíso / 2012” a especificação é a seguinte: bolsas de iniciação à docência e bolsas de supervisão. Em ambos o nível de atuação é no Ensino Fundamental e a modalidade de ensino, Educação Regular.

 “Para acesso às bolsas de iniciação à docência haverá um edital, ainda em julho, para promover, de acordo com critérios de mérito, os estudantes dos cursos de graduação que realizaram as atividades. Os supervisores deverão ser docentes das quatro escolas envolvidas que serão indicados pela direção”, explicou Edneia Tayt-Sohn. Além das bolsas, o UNIFESO foi contemplado com dois computadores portáteis, dois data-show e uma filmadora, que serão utilizados durante o projeto, em especial nas atividades docentes e no registro histórico e científico do desenvolvimento do PIBID UNIFESO 2012.

 “Entendo que esta nossa inserção em um Programa Nacional, que envolve a questão de relevância social, tal qual é a formação de docentes para o ensino fundamental e médio, coloca-se de suma importância. Primeiro porque aproxima a formação de seu objeto e objetivos  principais, quais sejam a escola e os estudantes; em segundo lugar, porém não menos importante, porque incentiva formar docentes em áreas carentes de professores”, afirma Edneia. “Há também a questão da formação na e para a escola pública, o que amplia a relevância social da proposta e compromete a formação no UNIFESO, em especial nas licenciaturas, com o desenvolvimento da Educação em nossa região e em nosso Estado. Isto tudo, sempre em profunda coerência com a missão de nossa instituição”, completa.

Foto Edital CAPES (3)

Professores Carlos Alfredo, coordenador de Ciências Biológicas; Edneia Tayt-Sohn, assessora de Desenvolvimento de Projetos Institucionais; Katiuscia Antunes, diretora de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão; e Terezinha Espinosa, coordenadora de Pedagogia discutem o projeto


Fonte: Unifeso
Tags:
STONE EMPREENDEDOR