IFOOD DELIVERY
Ser Universitario
 
STONE
 

Unidade Ambulatorial e Núcleo de Prática Jurídica do UNIFESO

completam dois anos de atendimento

16/04/2013 - 17:34h

Atendimento Humanitario

Atendimento humanitário e de qualidade e infraestrutura moderna e confortável. Estes são apenas alguns pontos destacados pelos funcionários e pela população atendida na Unidade Ambulatorial do Hospital das Clínicas de Teresópolis (HCTCO) e no Núcleo de Prática Jurídica (NPJ) do curso de Direito do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO), que acabaram de completar dois anos de funcionamento em novo endereço. O quinto campus da Instituição – que já conta com os campi Sede, Quinta do Paraíso, FESO Pro Arte e HCTCO – foi inaugurado no dia 17 de março de 2011 em um prédio de três andares totalmente reformado e adaptado na Rua Tenente Luiz Meirelles, na Várzea.

Instalações dos ambulatórios: conforto e praticidade

A Unidade Ambulatorial dispõe de mais de trinta consultórios destinados ao atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS) nas seguintes especialidades: cardiologia, cirurgia geral, dermatologia, endocrinologia, gastroenterologia, mastologia, nefrologia, oftalmologia, ortopedia, otorrinolaringologia, pneumologia, proctologia, psiquiatria, reumatologia, urologia, vascular, cardiologia infantil, endocrinologia pediátrica, neurologia infantil, cirurgia torácica, cirurgia pediátrica, cirurgia plástica, genética, ginecologia geral, obstetrícia (pré-natal), pediatria geral, clínica médica, nutrição, fonoaudiologia, neurocirurgia e bucomaxilo. Para as consultas de convênios e particulares são oito salas com atendimentos nas áreas de bucomaxilo, cardiologia, cirurgia geral, clínica médica, cirurgia plástica, cirurgia vascular, dermatologia, fonoaudiologia, ginecologia, neurologia, nutricionista, ortopedia, oftalmologia, otorrinolaringologia, obstetrícia, pediatria e urologia.

Os consultórios são amplos, informatizados, climatizados e contam com apoio de sala de gesso e de exames como preventivo do câncer de colo uterino, monitoramento ambulatorial da pressão arterial (M.A.P.A), monitoramento pelo sistema holter 24 horas, eletrocardiograma, avaliação urodinâmica, teste ergométrico, histeroscopia, colonoscopia, broncoscopia, ecocardiograma, exames laboratoriais, ressonância magnética, tomografia computadorizada, exame radiodiagnóstico total, endoscopia digestiva alta, ecodopplerfluoximetria e ultrassonografia. Além dos consultórios, o espaço dispõe também de um miniauditório, duas salas para trabalhos e reuniões em grupo e uma biblioteca para os estudantes.

Segundo o médico José Roberto Bittencourt Costa, chefe do Serviço Ambulatorial, a criação deste novo espaço foi o alcance de um novo patamar de atendimento ambulatorial para o Hospital das Clínicas. “Hoje os pacientes encontram aqui uma estrutura física de imponência, de fácil acessibilidade, em local centralizado, próximo ao centro e aos principais bairros, todo informatizado, com conforto e estacionamento. Além do que, hoje ele integra o que nós chamamos de IETC, que é Integração-Ensino-Trabalho-Comunidade, de uma forma muito melhor, dado que é um ambulatório-escola”, ressaltou o médico. José Roberto destaca que, de maneira geral, foi um salto de qualidade enorme para o nome da Instituição e para a oferta de serviços. “Oferecemos um perfil de ambulatório-escola que poucas instituições no país talvez tenham. Um cenário de prática que apresenta as condições ideais para o ensino e a aprendizagem, o que resulta em uma média mensal de 3.600 consultas pelo SUS e 680 no particular”. O doutor Delfim Fontes Moreira, responsável pelo setor de convênios e particular dos ambulatórios do HCTCO, destaca a qualidade do quadro de funcionários que hoje atende no espaço. “Oferecemos fácil acesso aos profissionais de várias especialidades, com atendimento humanizado, qualidade e conforto. Os interessados podem entrar em contato direto pelo telefone (21) 2643-3200 e agendar uma consulta”, informou o médico.

O jardineiro Ismael de Almeida Charles, 46 anos, procurou o Ambulatório por conta de uma infecção urinária, ficou satisfeito com o atendimento e voltou para uma revisão. “Quando cheguei aqui pela primeira vez fui atendido por profissionais atenciosos, competentes e dedicados. Me passaram exames, explicaram tudo que eu deveria fazer e isso me motivou a voltar para uma consulta de revisão. Graças a Deus ficou tudo bem”, agradeceu. A satisfação do jardineiro com a melhoria no atendimento e da infraestrutura foi a mesma de Carla Santos do Nascimento, de 23 anos, que fez todo o seu pré-natal no Ambulatório. “O local está amplo e bem equipado. Sem dúvida indicaria o serviço pela qualidade no atendimento e pelo conforto. Foi por me sentir bem durante o acompanhamento nos meus nove meses de gestação que resolvi voltar para as consultas de rotina e os exames, como preventivo”, afirmou.

Os ambulatórios do SUS funcionam de segunda à sexta, das 7h às 16h; e os dos convênios e particulares, de segunda a sexta, das 7h às 18h.

NPJ: estudantes mais próximos da realidade

Implantado em 2001 na Calçada da Fama para o exercício do estágio obrigatório do curso de Direito do UNIFESO, o Núcleo de Prática Jurídica (NPJ) funciona como um centro de profissionalização destinado à capacitação e ao treinamento dos estudantes, fornecendo-lhes conhecimentos de ordem técnica e ética, visando transmitir a vivência do Direito dentro da realidade social. Há dois anos no novo espaço, além de oferecer mais conforto e melhores condições de estudo, trabalho e atendimento aos estudantes, professores e à população, o Núcleo hoje também se caracteriza por sua proximidade da região de maior densidade demográfica de Teresópolis, facilitando o acesso da população, o que tem uma significativa relevância social.

“O que tenho percebido nesses dois anos, com relação aos estudantes – tanto os dos estágios quanto os ingressantes – é que eles ficam bem encantados com a infraestrutura e com tudo que é colocado à disposição, toda a logística que existe para que o trabalho possa ser concretizado, é considerado por eles de primeira linha e eles reconhecem isso e também a qualidade do nosso quadro de professores”, afirmou Lygia Pombo, supervisora do NPJ, ressaltando que o perfil do público mudou com a ida para o novo endereço. “Ficamos mais próximos da população que tem maior dificuldade de acesso ao poder judiciário. Isso é muito positivo para os estudantes, pois é um estímulo para irem buscar mais informações acerca dos problemas jurídicos que chegam aqui todos os dias. Enriquece muito o trabalho e possibilita uma gama de pesquisa sobre os assuntos mais variados possível, fazendo com que o aprendizado fique cada vez mais amplo”.

O Núcleo tem como objetivos principais capacitar o estagiário a desenvolver conhecimentos relacionados à profissão de advogado, bem como iniciar o estudante na prática jurídica por meio de atividades práticas, reais ou simuladas, prestando serviços jurídicos às comunidades carentes, cuja metodologia inclui, entre outras, a redação de peças processuais, rotinas processuais, assistência em audiências, técnicas de conciliação, visitas a órgãos judiciários, participação em palestras e seminários. Com doze salas e atuando nas áreas Cível, Trabalhista, Criminal e Família, o NPJ atende a pessoas da comunidade com renda de até um salário mínimo e meio, com toda a atenção e conforto, já que o atendimento é agendado, evitando filas. A cada semestre letivo, cerca de duzentos estudantes, supervisionados por dez professores, atendem a quarenta pessoas por dia, em média, tendo promovido nos dois últimos anos em torno de 4.800 causas.

 Com indicação da irmã, atendida no Núcleo e muito satisfeita com os resultados, a doméstica Ana Paula Ramos de Souza procurou o serviço para saber um pouco mais sobre seus direitos já que, até pouco tempo, estava trabalhando sem carteira assinada. “Eu saí do emprego e, para não sair prejudicada, achei melhor procurar meus direitos. Achei muito interessante esse sistema de agendamento porque assim a gente não precisa enfrentar filas e é atendido com toda atenção”, destacou Ana Paula. Quem também procurou o NPJ para tentar resolver seu problema foi Jorge Luis Gomes de Queiroz, de 42 anos. “Na época que eu resolvi entrar na justiça uma pessoa me informou do atendimento feito no Núcleo e desde então eu venho sendo muito bem atendido, tanto pelos alunos quanto pelos profissionais. Sem falar que o fato de ser gratuito ajuda bastante a quem não tem condições de arcar com os custos com advogados”, afirmou Jorge Luis, que também destacou ser interessante o fato do serviço ser oferecido por uma instituição de ensino.

 O NPJ desenvolve o estágio obrigatório e o não obrigatório. O estágio obrigatório dirige-se aos estudantes inscritos a partir do sétimo período ou que tenham cursado 3/5 das disciplinas obrigatórias. Prioriza a atuação em cenários reais com atores sociais (docentes, discentes e comunidade), em consonância com os pressupostos da missão do UNIFESO. Os estágios não obrigatórios são realizados em diversos órgãos do Poder Judiciário e também em órgãos da administração pública direta e indireta. Tal estágio materializa uma das formas de atividades de extensão do curso, face o serviço jurídico prestado à comunidade local e regional.

 O atendimento acontece de segunda à sexta, das 8h30 às 18h. Informações pelo telefone (21) 2743-6751 e agendamento no local.


Fonte: Unifeso
Tags:
STONE EMPREENDEDOR