Enem Unip
Ser Universitario
 
STONE

Profissão Pedagogo – quais os maiores desafios?

03/03/2016 - 09:58h

Untitled Document

A Lei que institui o Programa de Combate ao Bullying (que visa a orientação e aplicação de regras à escolas para impedir agressões físicas e morais entre os alunos) começou a em fevereiro, e cada vez mais reacende uma chama que até então parecia um pouco apagada: A discussão sobre o papel do pedagogo na sociedade, e sobretudo na formação de alunos.
E um dos pontos cruciais dentro dessas discussões é definir qual o método mais eficaz para que essas crianças ou jovens possam evoluir intelectualmente, e para que eles saibam qual seu papel na sociedade. Essa dificuldade faz, por exemplo, com que Professores e pedagogos se preocupem basicamente em passar todo o conteúdo programático previsto, deixando de lado a preocupação em saber se o aluno realmente aprendeu, e taxando-o como “sem disciplina” ou “sem interesse”.
Por conta disto muitas Universidades estão transmitindo aos Universitários que independente de provas, a maior avaliação para com o aluno está associada ao seu ser social, portanto a avaliação precisa ultrapassar as folhas, e ir além das paredes das escolas. Afinal, nem todos os alunos deixam de aprender determinado assunto porque são desinteressados, muitas vezes estes possuem um nível cognitivo diferente, e ainda sim merecem seu valor e podem se superar (desde que tenham um bom suporte para isso).
E essa ideologia é transmitida através das disciplinas ministradas para estes futuros pedagogos. Aliás, muitos cursos incluem matérias como a de Psicologia do Desenvolvimento e da Aprendizagem, que abordam justamente esse tipo de questão dentro das salas de aula.

A responsabilidade não é só do pedagogo

Ainda sim, vale lembrar que existe um desafio muito maior no meio disso tudo: a própria sociedade e as políticas educacionais. A discrepância ainda é visível em nosso país: recentemente, O IOEB (Índice de Oportunidades da Educação Brasileira) elaborou uma lista com as 500 melhores cidades do país na área de educação, avaliando fatores importantes como a formação dos professores, a média de horas/aula por dia, a gestão da diretoria e alguns outros pontos, e dessas 173 são cidades do Estado de São Paulo, e as outras estão espalhadas por todo o restante do país. Isso só comprova que na verdade o desafio está não apenas nas mãos dos pedagogos, mas sim de toda a sociedade e sobretudo dos poderes do Estado que possuam ligação com a educação e formação do ser humano.






Augusto é estudante de comunicação e trabalha atualmente na área de conteúdo. Tem um prazer enorme na arte de ler e escrever, e por isso nas horas vagas este é seu hobby principal.


Fonte: Augusto Valente

Visa dia dos Pais

Compartilhe e exponha sua opinião...

Mais notícias
Veja todas as noticias