IFOOD DELIVERY
Ser Universitario
 
STONE

Convocação do Mackenzie pode ter prejudicado 900 interessados no Prouni

18/08/2014 - 09:01h

O fato de o Mackenzie ter "convocado" apenas parte dos interessados da lista de espera do Prouni (Programa Universidade Para Todos) pode ter prejudicado 946 pessoas, segundo um levantamento feito por um dos candidatos que não foram "convocados", Fernando Papa, 27, diretor da ONG Projeto Semente.

A universidade afirma ter seguido as regras do edital -- ou seja, que todos os candidatos deveriam comparecer com a documentação de comprovação. No entanto, o preenchimento de um formulário online, pré-requisito para isso, só ficou acessível para os nomes selecionados pelo Mackenzie, defende Papa.

"O Mackenzie convocou para comprovação de informações na universidade apenas o dobro de candidatos por vagas existentes. Pelos meus cálculos, 946 candidatos [dos 1.274 que estavam na lista] foram prejudicados por não terem sido sequer convocados pelo Mackenzie. Além disso, encontrei 14 pessoas que passaram na frente de outras no preenchimento das vagas disponíveis", afirma o jovem.

Os cursos em que o rapaz encontrou problemas foram administração - noturno, análise e desenvolvimento de sistemas - noturno, arquitetura e urbanismo - matutino e vespertino, publicidade e propaganda - vespertino e noturno, direito - matutino e noturno, engenharia civil - integral, jornalismo - vespertino, nutrição - matutino e engenharia civil " matutino.

A primeira divergência identificada por Papa surgiu quando ele verificou seu nome na lista de espera -- acessada pela internet no dia 25 de julho -- do curso de direito matutino do Mackenzie. No documento emitido existiam 19 vagas disponíveis para bolsa do Prouni e 38 candidatos (o dobro das vagas) constavam com o parecer "convocado para comprovação de informações". Papa ocupava a 49ª posição na lista de espera e, pelo documento publicado, ele não havia sido chamado para a entrega dos documentos, uma vez que o campo parecer estava em branco.

O artigo 25 da portaria 13 que regulamenta o processo de seleção do programa afirma que os "participantes da lista de espera deverão comparecer, no prazo estipulado no Edital Prouni 2º semestre de 2014, às respectivas instituições e entregar a documentação pertinente para comprovação das informações prestadas na inscrição". Ou seja, todos os candidatos que manifestaram interesse na lista de espera estavam automaticamente convocados para comprovar as informações prestadas na inscrição, de acordo com explicação do MEC (Ministério Da Educação).

A própria lista de espera divulgada pela universidade orienta o candidato a consultar se ele foi convocado para comprovação de informações, pois caso tenha sido maiores informações seriam encaminhadas. "Os candidatos pré-selecionados para a Lista de Espera devem aguardar o contato feito pela Instituição entre os dias 24 e 30 de Julho nos meios informados no cadastro feito no momento da inscrição no MEC para as orientações quanto ao preenchimento do formulário e entrega da documentação", informa também o edital.

Após o envio de um e-mail para o setor de bolsas de estudos questionando o ocorrido, a universidade informou que Papa poderia preencher o formulário disponibilizado pela internet " prática obrigatória para o agendamento da entrega dos documentos " no dia 28 de julho.

"Quando eu fui preencher o formulário obrigatório fui surpreendido com a mensagem 'aluno inexistente no cadastro'. Acredito que o mesmo aconteceu com os demais candidatos que não foram convocados para comprovar as informações e que tentaram acessar a página", disse Papa. Depois de um novo contato com o setor de bolsas, o candidato conseguiu preencher os dados necessários e foi até a universidade para entregar seus documentos.

Outro lado

Em resposta ao questionamento da reportagem, o Reverendo Joêr Corrêa Batista, gerente de responsabilidade social e filantropia do Instituto Presbiteriano Mackenzie, afirmou que o processo da universidade funciona "de acordo com a portaria normativa nº 13 de 29/05/2014 (Arts. 24, 25 e 26)" e "a convocação é realizada pelo site do MEC-Prouni. Todos os candidatos deverão comparecer para comprovação das informações e consequente usufruto da bolsa. Caso não haja comprovação documental ou o candidato pré-selecionado não compareça perde o direito à vaga (Arts. 25 e 26)."



Fonte: Uol

STONE EMPREENDEDOR

Compartilhe e exponha sua opinião...

Mais notícias
Veja todas as noticias