IFOOD DELIVERY
Ser Universitario
 
STONE

Mãe viaja 629 km para incentivar filho na 2ª fase do vestibular da Unicamp

11/01/2015 - 13:01h

Maura, Rita e Osana aguardam filhos durante prova da 2ª fase da Unicamp, em Campinas (Foto: Arthur Menicucci / G1)
Maura, Rita e Osana aguardam filhos durante prova
da 2ª fase da Unicamp (Foto: Arthur Menicucci / G1)

Uma funcionária pública, de 57 anos, viajou 629 km de ônibus, entre Cataguases (MG) e Campinas (SP), para acompanhar e incentivar o filho durante a primeira prova da segunda fase do Vestibular da Unicamp, neste domingo (11). Rita de Cássia Rocha e Saulo Rocha Mata levaram quase 15 horas no percurso realizado entre a tarde de quinta-feira e madrugada de sexta.

"Vou esperar rezando e torcendo para que ele passe e a gente volte só pra matrícula", disse orgulhosa, enquanto buscava uma sombra para amenizar o calor em frente ao campus da Universidade Paulista, no Swift. A família está hospedada na casa de um amigo e calcula gasto de R$ 500 na viagem. O rapaz tenta uma vaga para engenharia mecânica.

Antes do fechamento dos portões, ela juntou-se a outras duas mães de candidatos. A auxiliar de enfermagem Osana Maria da Silveira, de 62 anos, investiu R$ 210 para também percorrer de ônibus o trajeto de 220 km entre Juruaia (MG) e Campinas. Ela acompanha o filho Thiago Ernesto Silveira de Castro, de 17, que planeja cursar letras na universidade estadual.

"Ele trabalha, mas é muito estudioso e comprometido". O coração fica apertado de deixar ele vir morar aqui se passar", brincou. Já a funcionária pública Maura das Graças do Santos, de 50 anos, saiu de Hortolândia (SP) e fez questão de apoiar a filha Elaine dos Santos, de 18, que sonha em cursar pedagogia. "Estou de férias e nao ligo de esperar. Só o sol que está forte", ponderou. Às 12h50, o Centro de Pesquisas Meteorológicas da Unicamp registrou temperatura de 32,6º C, no distrito de Barão Geraldo.

O vestibular
Ao todo, 15.444 candidatos convocados disputam 3.320 vagas em 70 Cursos De Graduação. A prova deste domingo começou às 13h e os estudante devem fazer  redação e também responder às questões de língua portuguesa e literaturas da língua portuguesa. O tempo máximo para resolução é de quatro horas. Clique aqui para ver galeria de fotos.

Todo candidato deve levar nos três dias de provas o documento original de identidade indicado na inscrição, caneta preta em material transparente, lápis preto e borracha. Será permitido o uso de régua transparente e compasso. Por outro lado, a Comvest proíbe o uso de celulares e equipamentos eletrônicos, relógios digitais, corretivo líquido, lapiseira, caneta marca texto, bandana/lenço, boné e chapéu. Para controlar o tempo, o candidato pode levar relógio analógico. Outros tipos de relógio devem ficar no chão, ao lado da carteira.

Cidades
A Unicamp aplica a prova da segunda fase em Brasília e São Paulo, além das cidades paulistas de Bauru, Campinas, Guarulhos, Jundiaí, Limeira, Mogi das Cruzes, Mogi Guaçu, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santo André, Santos, São Carlos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo e Sorocaba.



Fonte: G1

STONE EMPREENDEDOR

Compartilhe e exponha sua opinião...

Mais notícias
Veja todas as noticias