IFOOD DELIVERY
Ser Universitario
 
STONE

UNIFESO promove PoÊterÊ 2015 com grande público e artistas famosos

27/11/2015 - 05:55h

O Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO) através do Centro Cultural FESO Pro Arte (CCFP) realizou a 15a edição do mais importante evento cultural de Teresópolis, o PoÊterÊ, no dia 21 de novembro. Com entrada franca e mais de doze horas de apresentações multiculturais, o festival movimentou o público do primeiro ao último minuto

Além do tradicional concurso de poesia, o festival apresentou uma programação diversificada que incluiu  shows musicais, performances, teatro, debates, apresentações de dança, oficinas artísticas e exposição de arte. Marcaram presença personalidades do mundo artístico como Lucélia Santos, a eterna “Escrava Isaura”, Milton Cunha, comentarista de carnaval da Rede Globo, e Tonico Pereira, que atualmente vive o bandido Ascânio na novela “A Regra do Jogo”.

“Trazemos artistas de fora para oxigenar a nossa cultura, buscar novas ideias. E é uma verdadeira maratona cultural, podemos sair daqui cansados fisicamente, mas felizes espiritualmente por homenagear todas as formas de artes da cultura brasileira”, explicou o Professor Jorge Bragança, presidente do conselho do Centro Cultural.

Estudantes, Professores e funcionários do UNIFESO e do Centro Educacional Serra dos Órgãos (CESO), alunos de teatro, coral e dança do CCFP, Quinteto Villa-Lobos, Ganga Zumbi, o grupo de teatro Os Pimentas e diversos músicos participaram do festival.

“Acredito que promover esse evento faz parte da responsabilidade para com a nossa cidade, que vai além da oferta da educação formal. Cultura também ensina, e este é mais um segmento em que o UNIFESO se faz presente”, afirmou a professora Verônica Santos Albuquerque, Reitora do UNIFESO.

A professora Edenise da Silva Antas, Diretora de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, acredita que eventos artísticos ampliam a sensibilidade da Instituição. “É importante porque é a garantia de um espaço de encontro de diferentes artistas e de possibilidades de interpretação da realidade”.

Lucélia Santos, que é antiga frequentadora de Teresópolis e principalmente do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, explica que é importante para a cidade um evento como o PoÊterÊ. “Eu acho que poucos povos do mundo tem o privilégio de estar perto e de usufruir de tanta grandeza, talvez a população daqui não tenha nem a consciência do que possuem”.

Mílton Cunha se surpreendeu com a qualidade do evento e a beleza do Centro Cultural, além de elogiar os artistas que se apresentaram. “É lindo um Centro Universitário promover esses encontros baseados em poesia, que é um gênero literário infelizmente tão desacreditado”.

Concurso de poesia

Neste ano a estatueta PoÊterÊ foi entregue ao professor e escritor Domício Proença Filho, o patrono do festival, que considerou uma consagração e satisfação enorme receber tal homenagem. “Apesar da literatura perder o lugar central como produto cultural, há ainda esse esforço, essa vontade de ler, falar, escrever poesia”.

Os premiados no concurso de poesia foram, respectivamente em primeiro, segundo e terceiro lugar, Guinnevere Esteves Fraguas, Pedro Henrique Breder Carneiro Nogueira e Maria Eduarda do Nascimento Bulhões.

Para encerrar a programação em grande estilo Tonico Pereira encenou fragmentos do poema Navio Negreiro, de Castro Alves. Para o ator, “trata-se de um texto atual e muito importante para a conscientização da sociedade brasileira”.

 


Fonte: Unifeso

STONE EMPREENDEDOR

Compartilhe e exponha sua opinião...

Mais notícias
Veja todas as noticias