IFOOD DELIVERY
Ser Universitario
 
STONE

Universidade dos EUA pesquisa como controlar drones com o cérebro

16/10/2014 - 16:01h

Na Universidade do Texas em San Antonio, nos EUA, uma equipe do Departamento de Engenharia Elétrica e da Computação está realizando estudos para conseguir com que seres humanos sejam capazes de controlar drones utilizando apenas ondas cerebrais.

A equipe é chefiada pelo Professor Daniel Pack, um dos maiores pesquisadores na área de aeronaves não tripuladas nos EUA, e conta com a presença de outros Docentes e alunos de graduação e pós-graduação da instituição.

 Prasanna Kolar, à direita, usa celular para controlar drone durante pesquisa na Universidade do Texas em San Antonio, nos EUA (Foto: The San Antonio Express-News, Bob Owen/AP)
Prasanna Kolar, à direita, usa celular para controlar drone durante pesquisa na Universidade do Texas em San Antonio, nos EUA (Foto: The San Antonio Express-News, Bob Owen/AP)

Prasanna Kolar, um dos Professores responsáveis pelo projeto, fez experimentos com a ajuda de Mauricio Merino, um estudante de mestrado na área de engenharia elétrica, para demonstrar como seria possível controlar drones por meio do cérebro, a partir de ondas captadas por uma espécie de toca de eletroencefalograma.

De acordo com a universidade, o departamento recebeu um contrato de investimento de US$ 300 mil do escritório da Secretaria de Defesa dos EUA, para estudar como seres humanos podem, de maneira efetiva, interagir com veículos aéreos autônomos.

O objetivo do projeto, segundo a instituição, é utilizar sinais cerebrais de soldados para navegar pequenas aeronaves não tripuladas em operações militares de inteligência, vigilância e missões de reconhecimento.

Com a evolução da tecnologia, o departamento espera eliminar a necessidade de estações terrestres de controle nas operações, ao extrair os sinais de controle do veículo diretamente do cérebro dos militares, que operam um ou mais aeronaves.

Departamento da universidade recebeu investimento de US$ 300 mil para investir em pesquisas sobre como pessoas podem controlar drones a partir de ondas cerebrais (Foto: The San Antonio Express-News, Bob Owen/AP)
Departamento da universidade recebeu investimento de US$ 300 mil para investir em pesquisas sobre como pessoas podem controlar drones a partir de ondas cerebrais (Foto: The San Antonio Express-News, Bob Owen/AP)



Fonte: G1

STONE EMPREENDEDOR

Compartilhe e exponha sua opinião...

Mais notícias
Veja todas as noticias